Entenda o que é a insuficiência renal

A insuficiência renal está diretamente ligada à quantidade de sódio que ingerimos.

Imagem sobre artigos

É isso mesmo, quanto mais sal comemos, maior é a chance de sofrer com essa doença.

É assim: quando ingerimos um alimento, ele chega ao intestino e seus nutrientes são absorvidos. Esses nutrientes são quebrados em pequenas moléculas e enviados para a corrente sanguínea. Se o alimento estiver muito salgado, uma grande quantidade de sódio também irá para o sangue.

O sangue passa pelos rins para que ele possa ser filtrado, eliminando assim tudo aquilo que não serve para o corpo. Depois, esse mesmo sangue volta purificado para o organismo até ser expelido pela urina.

Acontece que o sódio “suga” uma parte da água que está presente no sangue, o que atrapalha os rins na hora de se livrar desses excessos. E o que acontece? Uma parte desse sódio volta para o corpo, formando assim um círculo vicioso. 

Existem dois tipos de insuficiência renal: a aguda e a crônica. O segundo caso é o mais grave, uma vez que não tem cura - diferente da insuficiência aguda - e o paciente precisa passar por sessões de hemodiálise ou até mesmo fazer um transplante do órgão.

Os sintomas da insuficiência aguda são: 

- Pouca urina com cheiro forte e amarela escura
- Cansaço e falta de ar
- Tosse com sangue
- Dor na parte inferior das costas
- Inchaço nas pernas e nos pés
- Falta de apetite, náuseas e pequenos caroços na pele

Já os sintomas da insuficiência crônica são:

- Vontade de urinar frequentemente
- Urina com cheiro forte e com espuma
- Tremores nas mãos e cansaço extremo
- Câimbras frequentes, perda da sensibilidade e convulsões
- Pele amarelada, náuseas e vômitos
- Formigamento nos pés e nas mãos, músculos fracos

Agora que você já sabe de tudo isso, não espere mais para substituir o sal comum por ZEROSODIO. Só ele é capaz de manter os alimentos saborosos sem os malefícios do sódio.

© 2018 - Todos os direitos reservados - ZEROSODIO é um produto Nutricare.